Seg - Qui 8:30 - 17:30 - Sex 8:30 - 17:00
(41) 2106-0010
comercial@ctsconsultoria.com.br
R. Emanuel Kant 60 - sala 713 a 718

Capão Raso - Curitiba/PR

Durante a audiência pública realizada na última segunda-feira (06) pela Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa do Senado, foram esclarecidas dúvidas sobre o papel da ANS na regulamentação do setor de Planos de Saúde Suplementar.

Na ocasião, o Secretário Executivo da Agência, João Luiz Barroca, ressaltou
que, apesar da ANS cumprir com suas atribuições, levando em conta o interesse
público na assistência suplementar à saúde, não é de sua competência a fiscalização de prestadores de serviço.

João Luiz de Barroca assinalou durante o evento que não constitui atribuição
legal da ANS qualquer tipo de ação nas relações diretas entre os consumidores e
os prestadores de serviços, como médicos, hospitais, laboratórios e outros.
Nesses casos, disse o secretário, a normatização necessita de legislação
adequada aos interesses de todos os envolvidos.

Posts recentes

Fale conosco

Surgiu alguma dúvida, fale conosco!

Categorias